Início » Noticia » Mangueirão passa pelos últimos preparativos para o reinício de competições
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Mangueirão passa pelos últimos preparativos para o reinício de competições

Localização

Brasil
BR

É hora de recomeçar. E com muita expectativa para ver novamente a bola rolando no Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, com as partidas entre os clubes do Paragominas e Paysandu, às 19 horas, no sábado (1°) e do Bragantino e Independente, às 9 horas, no domingo (2), pelo Campeonato Paraense de Futebol, o Parazão 2020. Entre os preparativos para sediar os primeiros jogos após a paralisação em razão da pandemia da covid-19, nesta quinta-feira (30) e sexta-feira (31), a praça esportiva passa por uma higienização completa.

O espetáculo do futebol no Pará tem seu novo começo, sem a presença dos fiéis torcedores e com redução de equipes em atuação. E para receber as partidas no Mangueirão, a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), responsável pela gestão do espaço, “entrou em campo” adotando medidas preventivas para garantia de segurança e saúde.

“Mesmo diante da pandemia, a Seel continuou realizando toda a manutenção necessária no Mangueirão e agora, com a retomada dos jogos, os serviços estão sendo intensificados como o cuidado com gramado que está passando por um tratamento especial com corte, adubação e pulverização para dar melhores condições às partidas. Nesta quinta e sexta o estádio passa por sanitização e higienização completa. Nos dias de jogo será feita a aferição da temperatura de todos os profissionais que estarão trabalhando, além da obrigatoriedade do uso de máscaras e disponibilização de álcool em gel em todas as dependências, sempre seguindo o protocolo de segurança”, explicou o diretor do Estádio Olímpico do Pará, Fábio Lima.

As ações de desinfecção são executadas em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário (Sedap) e com a Equipe de Resposta Nuclear Biológica Química e Radiológica do Comando do 4° Distrito Naval. “Estamos usando a solução química que é essencial no combate ao novo coronavírus e outros patógenos em toda a área e em especial naquelas com maior circulação de pessoas como vestiários e cabines”, disse o coordenador da ação pela Sedap, Victor Lax.

Em relação à cobertura da imprensa esportiva, as equipes dos veículos de comunicação contam com até três profissionais e as cabines de imprensa do estádio também passaram por modificações para observar a recomendação de distanciamento.

De acordo com o gerente de Segurança do Estádio Olímpico do Pará, Cláudio Santos, na manhã desta sexta, no Mangueirão, 43 pessoas envolvidas no planejamento e operacionalização dos jogos passarão pela avaliação dos testes-rápidos de detecção de covid-19.

 

 

 

imagem: