Seel vai ajudar Vênus de Abaetetuba com material esportivo

A Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel) vai ajudar com material esportivo o Vênus de Abaetetuba, que está se preparando para disputar a Segundinha do Campeonato Paraense de Futebol Profissional. A notícia foi dada na tarde desta quinta-feira, 24, durante audiência entre a secretária Renilce Nicodemos e uma comissão chefiada pelo deputado estadual Wanderlan Quaresma (PMDB), que na ocasião se fez acompanhar da vereadora Andrea Pacheco (PP), do presidente do Vênus, Ricardo Simões, do assessor parlamentar, Alberto Junior e do senhor Teodoro Junior.

Segundo o deputado, a conversa com a secretária foi bastante positiva. A titular da Seel garantiu apoio para liberar a emenda parlamentar que vai garantir mais recursos ao esporte daquele município, situado na Região do Baixo Tocantins, além de liberar material esportivo para o Vênus. Ainda durante a audiência, foi solicitado apoio para reforma do estádio municipal Humberto Parente.

“A secretária vai enviar um engenheiro para avaliar a estrutura elétrica do estádio. E como o Mangueirão está em reforma, o material que poderá ser reaproveitado será utilizado na reforma do estádio. Queremos dar atividade ao local”, disse o deputado, que esteve recentemente em Abaetetuba participando de uma audiência ordinária na Câmara Municipal e ficou sensibilizado com a situação do Vênus e do estádio Humberto Parente.

Já a vereadora Andrea Pacheco solicitou apoio da secretária para realizar as partidas finais do campeonato paraense de handebol, uma modalidade, que segundo ela, tem crescido muito entre os jovens da cidade. “Temos até um atleta nosso na Seleção Brasileira de Handebol, o Rogerão”, disse a parlamentar. “A secretária Renilce Nicodemos vai conversar com a presidente da Federação para viabilizar nosso pedido. Vamos aguardar”, disse.

Sobre a situação do Vênus, o deputado disse que ficou sensibilizado, pois o clube sofre com a falta de verba para contratar jogadores e comprar material de treino.  “E uma situação lamentável, pois o Vênus é uma agremiação tradicional e não pode ficar nessa condição. A secretária vai ajudar e nós esperamos que a equipe volte a brilhar no campeonato de futebol profissional paraense”, destacou o parlamentar.

Tags: