Pro Paz nos Bairros retoma atividades no dia 7

O Pro Paz nos Bairros abre nesta segunda-feira, 4, as inscrições para os interessados em participar das atividades do projeto. A programação é aberta a crianças e jovens na faixa de 8 a 18 anos e contempla as áreas de cultura, arte, esporte e lazer. As inscrições podem ser feitas até o dia 6 nos cinco polos do projeto: Sacramenta, IESP, Mangueirão, UFRA, UFPA.

Andreza Cunha tem 11 anos, já participa do Pro Paz nos Bairros e pretende continuar com as atividades este ano. "Entrei para o projeto no ano passado e isso fez toda a diferença na minha vida. Antes eu não ligava muito pras coisas, não tinha muito  interesse nos estudos e passava muito tempo vendo televisão ou na rua. Depois que entrei para o projeto tudo mudou”, conta a menina.

“O Pro Paz nos bairros proporciona maior aproveitamento do tempo junto com as crianças. Acreditamos que quanto mais elas estiverem envolvidas nas atividades e recebendo formação, maior o aprendizado e os resultados para a promoção da paz. Por isso, começamos o ano convocando as crianças e famílias”, explica Fabize Muinhos, coordenadora geral do Pro Paz nos Bairros.

A disseminação da cultura de paz, ressaltada por Fabize, é o foco principal do projeto do Governo do Estado, executado por meio meio da Fundação Pro Paz. As aulas ofertadas nos polos acontecem no contraturno escolar e ajudam a manter as crianças e adolescentes longe das ruas e da violência. Eles participam de atividades nas áreas de Educação (Linguagem e Matemática de forma diversificada, lúdica e prazerosa); Arte e Cultura (Percussão, Circo, Música, Dança, Hip Hop); Esporte e Lazer (Futebol de campo, Futsal, Vôlei, Basquete, Natação, Atletismo, Artes Marciais, Capoeira), além de oficinas formativas e rodas de conversa, que estimulam a fomação cidadã dos alunos.

“Esse ano vamos estar mais próximos das famílias e das comunidades, de forma a envolvê-las ainda mais em nossas atividades. Além disso, o projeto garante acesso a outras políticas e programas do Governo do Estado, como o Cheque Moradia e o Credcidadão”, completa a coordenadora.

Integrante do Polo Mangueirão, Andreza tem nas aulas de futebol e de percussão as atividades preferidas, porém quando o assunto são os planos para o futuro ela mostra que está determinada a ir bem mais além. "Meu maior sonho é ser médica”. Mas pra isso tem que estudar muito, fazer cursinho e faculdade”.

Pro Paz nos Bairros

O projeto é apenas um dos muitos oferecidos pela Fundação Pro Paz e já mudou a vida de muitas crianças e adolescentes. As inscrições para novos e antigos alunos estarão abertas nos dias 04, 05 e 06 de janeiro. Para se matricular, o jovem deve estar acompanhado de um responsável e portando os seguintes documentos: duas fotografias 3x4, originais e cópias da carteira de identidade (RG) do responsável, da certidão de nascimento ou RG do aluno a ser matriculado, do comprovante de residência e da declaração de matrícula escolar. As aulas terão início no dia 07 de janeiro.

Todos os polos do Pro Paz nos Bairros contam com uma equipe de professores e técnicos que trabalham com ênfase na formação de valores como respeito, igualdade, lealdade, compromisso e disciplina. As crianças e adolescentes ainda recebem acompanhamento de uma equipe multiprofissional, formada por pedagogo e psicólogo, disponíveis tanto para os alunos como para suas famílias.

Entre os parceiros do projeto estão a Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade Federal Rural (Ufra), Instituto de Ensino e Segurança do Pará (Iesp), Secretaria de Educação (Seduc) por meio do Núcleo de Esporte e Lazer (NEL), Secretaria de Esporte e Lazer (Seel), Secretaria de Segurança Pública (Segup) e Corpo de Bombeiros.

Dança

Além do Pro Paz nos Bairros, a Fundação Pro Paz mantém outras iniciativas voltadas à disseminação da cultura de paz por meio da oferta de atividades socioeducativas e físicas às crianças e jovens que vivem nas áreas de periferia. Um deles é o projeto “Criança que dança é mais feliz”, executado em parceria com a Companhia de Dança Ana Unger, que disponibiliza 160 bolsas integrais do Curso de Ballet Clássico e Jazz na Escola de Danças Ana Unger, Unidade Cidade Nova, a crianças e adolescentes de baixa renda entre 7 a 16 anos.

As inscrições para o projeto começam no dia 05 de janeiro. Para conseguir a bolsa, as crianças precisam passar por uma avaliação. Os alunos selecionados são divididos em turmas que funcionam durante toda a semana na unidade da Companhia de Dança Ana Unger localizada no conjunto Cidade Nova, em Ananindeua.
 
Serviço: Projeto Pro Paz nos Bairros - Inscrições abertas nos dias 04, 05 e 06 de janeiro, nos cinco polos da RMB. 
IESP: Rodovia BR-316, km 13, s/n, região central de Marituba
Mangueirão: Rodovia Augusto Montenegro, km 3
Sacramenta: Praça Dorothy Stang, entre as avenidas Senador Lemos e Pedro Álvares Cabral
UFPA: Campus III da Universidade Federal do Pará, Rua do Tucunduba, s/n
UFRA: Universidade Federal Rural da Amazônia, Avenida Perimetral, 2.501, Terra Firme

Texto: Nathalia Petta / Fundação Pro Paz