Nova geração do judô mostra sua força

A nova geração do judô paraense já mostra sua força. No Campeonato Brasileiro de Judô, realizado pela Confederação Brasileira de Judô nos dias 3 e 4 de setembro em Lauro de Freitas, na Bahia, atletas do Estado se destacaram. Como Izabelle Andrade, que aos 13 anos se tornou campeã brasileira sub-15. E Luiz Miguel Costa Magalhães, que aos 15 anos lutou pela categoria sênior e ainda assim ficou entre os sete melhores do país. Os dois competiram com apoio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel).

A medalha de ouro de Izabelle Andrade garantiu a sua participação no Pan-Americano Sub-13 e Sub-15, que será disputado de 10 a 12 de novembro em Santo Domingos, na República Dominicana. “É a primeira vez que sou campeã brasileira e estou muito feliz com o resultado. Agora, eu vou me preparar para o Pan-Americano para trazer também esta vitória”, disse a atleta, que é faixa azul de judô.

Luiz Miguel Costa Magalhães não teve medo de encarar os adversários bem mais experientes da categoria sênior. Ele venceu duas lutas e perdeu outras duas. Mas afirma que o importante foi ter participado de seu primeiro campeonato brasileiro. O faixa marrom de 15 anos ficou com a sétima melhor colocação na classificação geral. Luiz Miguel já acumulava bons resultados. No ano passado, ele ficou em primeiro lugar na Copa Internacional Cidade de Fortaleza e na Copa Nacional Cidade Imperatriz, além de ter sido o terceiro colocado no Circuito Amapaense de Judô. Este ano, ele conquistou as primeiras colocações nas categorias sub-18 e sub-21 na Copa Campos Judô e o segundo lugar no Campeonato Paraense sub-21.

Agora, Luiz Miguel encara a preparação para a seletiva de base para a seleção brasileira de judô, que vai ser em Lauro de Freitas, na Bahia, em novembro. “A minha expectativa é boa, estou otimista porque na seletiva eu vou competir na minha categoria, a sub-18. Se eu tive uma boa colocação no sênior, no Campeonato Brasileiro, posso ter resultado ainda melhor na minha categoria.”

Outro judoca paraense que vai encarar a Seletiva Nacional de Base para a seleção brasileira, em novembro, na Bahia, é Marcus Vinicius Andrade, faixa laranja de 14 anos e irmão de Izabelle Andrade. Ele compete na categoria sub-15 - menos de 40 quilos e foi vice-campeão nos Jogos Escolares da Juventude, disputado de 23 a 25 de setembro em João Pessoa, na Paraíba.