Lyoto Machida tem encontro com alunos do Pro Paz Mangueirão

O lutador Lyoto Machida teve um encontro na manhã desta terça-feira, 21, com alunos do núcleo Pro Paz Mangueirão. Na ocasião, o Lyoto falou sobre otimismo, dedicação e objetividade que o levaram a conquista do título de campeão do UFC. Muito assediado pelas crianças, Machida ainda disse que gostou da experiência e da interação com o público infanto-juvenil. “Eu também já fui criança e sei o quanto é importante receber incentivo dos adultos e de pessoas que são referências em nossas vidas”, disse. De férias em Belém, Lyoto está cumprindo uma agenda compromissos que inclui doação de sangue e visita a uma escola de crianças com deficiência auditiva. Sobre o retorno ao octógono, o ex-campeão foi categórico: “Por enquanto não tem nada previsto, eu vou descansar ao lado da minha família”, completou.

A palestra o Mangueirão também fez parte da agenda de compromissos do ex-campeão com a Secretaria de Esporte e Lazer (Seel). O núcleo do Pro Paz Mangueirão tem 320 alunos matriculados e funciona em dois turnos com atividades de futsal, basquete, tênis de mesa, oficinas de linguagem, atletismo e musicalização. A coordenadora, a pedagoga Shirley Santos, disse que a palestra motivacional de Lyoto Machia somou-se ao conteúdo da base principal do Pro Paz: respeito, tolerância e família. “Lyoto Machida é um campeão, uma personalidade pública que as crianças vão ver de perto pela primeira vez. Tenho certeza que será uma experiência marcante na vida deles”, disse a coornadora. “Acho que as crianças terão a mesma sensação de quando foram ao cinema pela primeira. Foi emocionante”, completou.

A plateia acompanhou atenta a fala do lutador. A maioria quis saber sobre comida, time de tradição, família e carreira. Lyoto começou a carreira aos 15 anos, mas só conseguiu ser campeão com 30, após muitos aos de treinamento. “Quando a gente quer ser campeão tem que treinar e se dedicar. Por isso, vocês precisam ter objetividade, estudar e manter o objetivo de vida para dar tudo certo”, ensinou. Sobre alimentação, Lyoto disse que gosta de açaí sem açúcar, evita frituras e refrigerantes e manem uma dieta balanceada. Também confessou que torce pelo Paysandu e que atualmente mora em Los Angeles, nos Estados Unidos. Sobre a família, Lyoto é casado e pai de dois filhos.

A palestra foi conduzida pela professora Kátia Rocha, diretora de gestão Esportiva da Seel. O coordenador do Pro Paz nos Bairros, Vagno Ramos da Silva, também acompanhou a programação. Ele disse que a presença de Lyoto reforça o ideal de Pro Paz que é de garantir oportunidade para as crianças e jovens carentes de Belém e Região Metropolitana. O Pro Paz nos Bairros possui seis núcleos de atendimento envolvendo quase dois mil alunos. “O Pro Paz está consolidado e graças a Deus é o braço forte das políticas públicas de atendimento a população mais necessitada”, disse.