Karateca de 11 anos vai para Sérvia em dezembro

O karateca paraense Marcos Felipe, 11, vai lutar na Sérvia, em dezembro. Ele ganhou apoio para viajar da Secretaria de Esporte e Lazer, onde foi recebido pela secretária Renilce Nicodemos, na última quinta-feira, 19. Apesar da pouca idade, o garoto tem histórico de vitórias com 80 medalhas. Marcos luta karatê há quatro anos e mantém uma rotina de treinamento para aprimorar as técnicas do karatê, boxe e jiu-jítsu, além dos exercícios da escola.

Este ano, Marcos Felipe foi campeão brasileiro em três estilos diferentes.  Em junho, pela Confederação Brasileira de Karatê (CBK), em julho pela Confederação Brasileira de Karatê Interestilos (CBKI) e em outubro pela Federação Brasileira de Karatê (FBK). O atleta faz parte da Seleção Brasileira desde 2014.

Marcos foi o único paraense convocado para disputar dois Mundiais, um na Espanha e outro na Sérvia. Por falta de apoio, ele não pôde competir na Espanha no início de novembro, mas vai viajar para Sérvia, no período de 2 a 6 de dezembro, após receber apoio da Seel.

O garoto conta que começou a praticar esporte em uma escolinha de futebol, mas foi nas artes marciais que encontrou a sua paixão. “Jogava futebol antes, mas quando conheci o karatê resolvi que era isso que queria fazer. Eu percebo que tenho melhorado cada vez mais, treino sempre pra me superar. Conquistar medalhas me deixa muito feliz. Quero continuar fazendo isso e com esse apoio o meu sonho se torna possível”, disse ao site da Seel, após o encontro com a secretária.