Emoção marca disputa de Kart em Castanhal

O domingo, 13, foi de muita emoção durante o campeonato paraense de Kart realizado no kartódromo Bené Maranhense, em Castanhal. Com a pole position, vitória na primeira bateria e segunda colocação na segunda bateria, o piloto Oswaldo Ferreira, que tem apoio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), terminou a prova em primeiro lugar na categoria graduados. O evento é promovido pelo Castanhal Kart Clube com apoio da Federação Paraense de Automobilismo (Fepauto) e reúne pilotos divididos em três categorias: novatos A, novatos B e graduados. A disputa teve início por volta das 10h da manhã. Oswaldo fez a volta mais rápida na tomada de tempo garantindo o primeiro lugar no grid da primeira bateria. Apesar de ter sido pressionado pelo segundo colocado, defendeu a posição e venceu liderando de ponta a ponta.

Já na segunda bateria, quando há a inversão dos cinco primeiros colocados, Oswaldo largou em quinto e logo na primeira curva caiu para última colocação. Depois de algumas ultrapassagens e acidentes na pista, ele conseguiu chegar ao quarto lugar. Na última curva da última volta os pilotos Roberto Saraiva e João Vitor, que estavam em 2º e 3º respectivamente numa troca de posições acirrada, se bateram durante uma tentativa de ultrapassagem e Oswaldo cruzou a linha de chegada em segundo atrás de Gilberto Martins. Entre os pilotos e o público ficou a certeza de que essa foi a corrida mais emocionante de 2015.

Com a vitória da sexta etapa, Oswaldo subiu de terceiro para segundo na pontuação geral do Campeonato com 92 pontos, apenas quatro atrás do líder Gilberto Martins. Na categoria Novatos A, venceu o piloto Luiz Keiji, seguido de Jardel Lopes e Felipe Paulino. Na categoria Novatos B o vencedor foi André Luiz, em segundo ficou Silvio Nunes e em terceiro Leonardo Kerber.

O campeonato está chegando ao fim, a penúltima etapa do Paraense de Kart ocorre dia 4 de outubro no kartódromo Bené Maranhense, em Castanhal. A entrada para o evento é gratuita.

Foto: Divulgação 

Colaborou: Erika Torres de Azevedo