Danilo Pimentel segue para treinamento no México

Após participar de evento-teste no Rio de Janeiro no último domingo, 2, o atleta paraense de triathlon Danilo Pimentel, segue com a Seleção Brasileira para a cidade de San Luis Potosi, no México. O evento no Rio valeu vaga direta às Olimpíadas de 2016 e, segundo Danilo, foi a de maior nível técnico do ano. “A prova foi duríssima”, descreveu o atleta ao site da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), na manhã desta segunda-feira, 3.

Danilo Pimentel foi o melhor brasileiro no evento-teste. Ele ainda está no Rio de Janeiro em período de quatro dias de descanso. Depois embarca para San Luis Potosi, no México, onde vai passar temporada de treinamento na altitude. A meta da Seleção Brasileira é enfrentar bem as duas etapas do Campeonato Mundial de Triathlon agendadas para a cidade de Edmonton (Canadá) e Chicago (EUA).

Sobre o evento teste no Rio, Danilo fez algumas observações. Ele disse que a prova foi duríssima. “A natação foi em mar desgastante, um ciclismo com duas subidas, sendo uma com 20% de inclinação, o que minava os atletas e muitos acidentes também marcaram a etapa”, disse Danilo, que é incentivado pelo Governo do Estado, por meio da Seel.

A corrida, ainda segundo Pimentel, ocorreu por volta de 1h45 da tarde sob uma sensação térmica que beirava os 40 graus. Mesmo assim, a prova elevou o índice do atleta no ranking olímpico, mas ainda há muito trabalho para se buscar a vaga. Segundo informações do site da Confederação Brasileira de Triathlon, Danilo Pimentel foi o brasileiro mais bem colocado no evento-teste das Olimpíadas de 2016, ocupando a 32ª colocação com o tempo de 1.51:47. A prova foi vencida pelo espanhol Javier Gomes com 1.48:26, ficando em segundo lugar Vicent Luis (FRA) com 1.48:40 e em terceiro Richard Murrav (RSA) com 1.49:01.
Bruno Matheus (BRA) foi o 40º com 1.52:15, Reinaldo Colucci o 46º com 1.52:56 e Wesley Matos o 57º com 1.56:00.

Mulheres - No feminino Pâmella Oliveira foi a 15ª colocada.  Ela completou o percurso, que teve distância standard (1.500/40/10), em 2.02:10. As três primeiras colocadas foram: Gwen Jorgensen (USA) com 1.58:46, Non Stanford (GBR) com 01.59:05 e Vicky Holland (GBR) com 1.59:27.

Foto: Divulgação

*Com informações da CBTri.