Clube do Remo é campeão paraense de futebol em 2015

Em tarde de Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, lotado, o Clube do Remo se tornou Campeão Paraense de Futebol profissional 2015, no Parazão. A partida que decidiu o título deste ano foi vencida pelo Remo por 2 X 0 contra o Independente Atlético Clube, do município de Tucurui, que foi o campeão do primeiro turno. O Remo levantou a Taça Açaí, concedida pela Federação Paraense de Futebol (FPF).

Um público pagante de 34.733 torcedores, na sua grande maioria de torcedores azulinos, viu o centroavante Rafael Paty, do Remo, abrir o placar no primeiro minuto de jogo. O mesmo Paty fez o segundo gol aos 26 minutos, de cabeça, ainda no primeiro tempo. A renda do jogo foi de mais de R$ 975 mil.

A secretária de Esporte do Pará, Renilce Nicodemos Lobo, não pode comparecer ao estádio por motivos pessoais e foi representada pela diretora do estádio Mangueirão, Cláudia Moura, que entregou a taça aos campeões. 

Apesar do grande público presente, as ocorrências estiveram todas dentro da normalidade. O contingente da Polícia Militar do Estado foi de mais de 600 integrantes, que agiram sob o comando do tenente coronel Mauro Barbas.

A Polícia Militar atuou, se revezando ao longo do trajeto dos torcedores até o estádio, em abordagens preventivas, ao lado de agentes da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) e do Departamento de Trânsito do Estado (Detran), além de integrantes da Guarda Municipal de Belém.

Dentro do estádio, servidores da Secretaria Municipal de Economia (Secon), integrantes do Corpo de Bombeiros, policiais civis e funcionários da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel) lotados no Mangueirão reforçaram o esquema de segurança dos torcedores.

A abertura dos portões do estádio foi às 13 horas. Foram colocados à venda cerca de 35 mil ingressos, entre arquibancadas, cadeiras, meia-entrada e gratuidades.

Por conta de problemas na quinta-feira, 30 de maio, no jogo Remo X Cuiabá, quando houve um princípio de invasão do estádio, dirigentes do Clube do Remo e Independente, PM, e diretores da FPF se reuniram no sábado, 2, no Quartel do Comando da Polícia Militar, no bairro da Cremação, com o promotor Domingos Sávio, do Ministério Público do Estado, onde assinaram um Termo de Responsabilidade pelo qual se comprometeram e asseguraram a segurança dos torcedores na disputa deste domingo.

O Campeonato Paraense de Futebol 2015 teve o apoio do Governo do Pará, que fez um aporte de cerca de R$ 8 milhões para a realização das partidas, por meio da Seel, da Funtelpa e do Banpará. O campeonato começou em fevereiro deste ano e se encerrou no início de maio.

À Seel coube repasse de verba à FPF para as despesas com hospedagem e viagens dos clubes. Funtelpa garantiu o aporte para uso de imagem e transmissão dos jogos e o Banpará repassou verba de ajuda de custo aos clubes envolvidos.

Texto: Dedé Mesquita - Ascom/Seel

Foto: Anderson Costa e Cristino Martins - Agência Pará de Notícias