Baile da Terceira Idade é marcado por muita alegria

Em meio a confetes e fantasias, cerca de 1.500 idosos fizeram a festa no 17º Baile Carnavalesco da Terceira Idade. O evento é promovido pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), por meio do projeto Vida Ativa na Terceira Idade. O ponto alto da noite foi a escolha da Rainha das Rainhas do Carnaval da Terceira Idade.

Ao todo, 13 candidatas participaram do concurso. O baile foi realizado na sede campestre do Grêmio Literário Português, nesta quarta-feira, 22. O evento, que integra o calendário cultural da secretaria, contou com a presença de 39 entidades que realizam ações sociais junto a idosos, sendo uma de Colares e outra de Barcarena. A animação ficou por conta da banda Xeiro Verde.

Para Kátia Rocha, diretora técnica de Esporte e Lazer da secretaria, o evento foi um sucesso. “A Seel cumpriu, mais uma vez, com o seu papel. Conseguimos realizar o Baile com muita animação e organização. Já são 17 anos realizando este grande evento. Hoje estamos celebrando a vida. Boa festa a todos”, afirmou. O evento contou com apoio da Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) e do Corpo de Bombeiros Militar do Pará.

O baile contou com a presença de Clícia Pinheiro, vencedora do concurso Rainha das Rainhas do Carnaval 2017. Clícia ficou admirada com a festa e com as fantasias. “Para mim foi um sonho, participar e ganhar o Rainhas das Rainhas e ver a alegria destas idosas me faz lembrar de mim. A festa está linda, o salão cheio e a alegria é contagiante. Desejo boa sorte às candidatas”, disse.

Gertrude Pereira Viana, de 72 anos, foi a grande estrela da noite. Ela foi a vencedora do concurso Rainha das Rainhas da Terceira Idade. Gertrude faz parte do Centro de Convivência da Terceira Idade Zoé Gueiros e desfilou com a fantasia “Salve, salve Maria Bonita”. Para ela, essa conquista significa muito mais que um concurso. “Esse título significa mais um prêmio à minha saúde e bem estar. Tenho 72 anos e comemoro isso sendo rainha e festejando”, brincou. O segundo lugar ficou para Madalena Furtado, 68, do Lions Clube de Icoaraci e Oscarina Azevedo, 83, da UMS Icoaraci, ficou em terceiro.

O grande diferencial desta edição do baile foi a arrecadação de doações de material de higiene pessoal, lençol e alimentos não perecíveis para duas entidades que atendem idosos carentes: os abrigos João de Deus e São Vicente de Paula. Para Sylvia Cruz, presidente do abrigo São Vicente de Paula, a iniciativa da Seel é inspiradora. “No abrigo atendemos 34 idosos em situação de risco e eles estão aqui também festejando. Para nós é uma alegria receber este grande apoio da Seel, espero que mais pessoas se espelhem nesta atitude. Todos nós agradecemos”. Cerca de 200 quilos de produtos foram doados pelos participantes.

O casal Marlene Villacorta, 58, e Almir Ledo, 61, se conheceu durante as atividades do projeto. “Estamos juntos há cincos anos e não perdemos por nada o baile. Todo ano escolhemos uma fantasia e neste decidimos vir de colombina e pierrot. E só vamos parar de dançar quando acabar”. Mariléia Alves, de 65 anos, faz parte do Vida Ativa, frequenta o polo da Tuna e diz que a cada ano que passa fica melhor. “É tudo muito bonito, eu cheguei às 16h e ainda quero dançar mais com as minhas amigas”.

O Programa Vida Ativa desenvolve atividades orientadas por professores de Educação Física da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), que por meio de uma cooperação técnica cede os profissionais. Os idosos são atendidos em seis polos na Região Metropolitana de Belém: Tuna Luso Brasileira, Escola Triunfo, Escola de Educação Física da Uepa, Asalp, Estádio Olímpico do Pará e no Hospital Abelardo Santos. As atividades ofertadas incluem hidroginástica, natação, caminhada, ginástica, aerodança, dança folclórica, alongamento, voleibol, yoga, xadrez e memorização.

Os polos do Mangueirão e Asalp ainda possuem vagas disponíveis. Para se inscrever no projeto é necessário ter idade a partir de 50 anos e levar cópia da carteira de identidade, comprovante de residência, duas fotos 3x4 e atestado médico, para comprovar se está em condições para fazer atividades físicas.

Veja a galeria completa de fotos aqui

Foto: Mácio Ferreira / Agência Pará