Surfistas se preparam para estabelecer recorde na Pororoca

Era exatamente 12h26 quando a pororoca surgiu no rio Capim e garantiu o treino de quase 60 surfistas que tentam, nesse final de semana, estabelecer o recorde do maior número de atletas surfando a mesma onda. A espera silenciosa pela manifestação das águas foi recompensada com uma onda de doze minutos.

De acordo com o fiscal do Ranking Brasil, Luciano Cadari, será estabelecido um recorde. “Estamos criando uma nova categoria. Hoje vamos analisar como ela acontece, desde a formação, o movimento, a duração e outros aspectos. Então no sábado e domingo, vamos estabelecer um recorde. Faço a contagem, analiso as imagens, a gente homologa, entrega o troféu e a partir de segunda-feira a marca está no nosso site”, explica.

Os irmãos Breno e Bruno Soares, de 9 e 14 anos, respectivamente, vieram do município de Salinas pela segunda vez para surfar a pororoca de São Domingos do Capim. “Eles surfam desde os cinco anos. Procuro incentivar o esporte desde cedo, porque assim eles ficam longe de influências negativas. A minha menorzinha tem 5 anos, e já vai aprender o bodyboard”, contou o pai Fernando Soares.

Para a surfista Jamille Nóbrega, de 18 anos, a expectativa da chegada da onda é o que mais anima os atletas. “Eu surfo há seis anos, comecei em Salinas. É a segunda vez que venho para a pororoca e fico sempre ansiosa para saber se a onda vem grande ou pequena”, comenta.

Depois de horas de espera para que a natureza colabore, a pororoca finalmente surge e, no seu caminho, premia a persistência de uns e frustra a ansiedade de outros. O impacto da aparição e a ausência de familiaridade com o fenômeno pode deixar muitos surfistas literalmente para trás. Outros, mais habituados ou perseverantes, garantem a permanência nela até o final. “Comecei com oito anos e agora estou com 16. O maior desafio aqui é manter o equilíbrio e a direção com tanta gente disputando um espaço limitado. Mas é sempre bom”, relata Dayse Silva, que está entre os atletas que conseguiram surfar a pororoca até o final.

Festival – Uma ampla programação congrega, de 19 a 22 deste mês, o XVII Surfe na Pororoca e o XV Festival da Pororoca. O Festival da Pororoca reúne uma série de atividades sociais e esportivas, organizadas pela prefeitura de São Domingos do Capim em parceria com o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel). Já o XVII Surfe na Pororoca, realizado no Mirante do Barriga – localizado a 13 quilômetros da sede do município – vai receber o Surfe Noturno e a tentativa de quebra de recorde de surfistas em cima da onda.

Veja mais fotos em: http://www.seel.pa.gov.br/?q=surfistas-se-preparam-para-estabelecer-recorde-xvii-surfe-na-pororoca-20032015

Texto: Gabriela Azevedo – Secretaria de Estado de Comunicação

Foto: Sidney Oliveira - Ag. Pará