Servidores da Seel praticam Ginástica Laboral

      

      

Os servidores da Secretaria Estadual de Esporte e Lazer – Seel agora terão uma atividade a mais para relaxar e cuidar da saúde. E o melhor: podendo unir ao ambiente de trabalho, tornando a atividade profissional mais produtiva e ao mesmo tempo relaxante. Foi pensando na saúde física e mental do servidor que a diretoria técnica de esporte e lazer – DTEL da Seel elaborou um projeto de ginástica laboral para todos os departamentos da secretaria.

“Os servidores geralmente tem uma vida sedentária, passando horas na mesma posição e quase sempre repetindo os mesmos movimentos várias vezes por dia. A ginástica laboral mescla ginástica, alongamentos, massagem e conscientização sobre o corpo, proporcionando ao trabalhador bem estar, diversão, relaxamentos, controle respiratório adequado, alívio das tensões diárias, além do preparo da musculatura frente ao esforço repetitivo”, explica Ruy Amanajás Maués, coordenador do projeto.

Ele conta que é comum profissionais que atuam em ambientes corporativos terem problemas como tendinites, tenossinovites, bursites, hérnias de disco, Doenças Ósteoarticulares Relacionadas ao Trabalho (D.O.R.T), Lesões por Esforço Repetitivo (L.E.R) e principalmente o estresse da rotina diária. “A Ginástica Laboral, consiste em exercícios específicos, realizados no próprio local de trabalho, atuando de forma preventiva e terapêutica, sendo objetiva e de curta duração”, completa.

Entre outros benefícios da ginastica laboral esta a prevenção da fadiga muscular, acidentes de trabalho, correção de vícios posturais com exercícios e dicas, prevenir as doenças por traumas acumulativos, promover sociabilidade, melhorar o condicionamento físico geral, promover o autoconhecimento corporal, diminuir o absenteísmo, aumentar o ânimo e a disposição para o trabalho, aumentar a produtividade individual e coletiva com menos fadiga, melhorar a concentração através da melhor oxigenação no cérebro e melhorar a qualidade de vida do servidor de forma geral.

“Todas essas atividades melhoram o ambiente de trabalho e o relacionamento entre as equipes e seus superiores, aumento da produtividade individual e coletiva e na qualidade dos serviços”, completa Ruy. O projeto foi aprovado pelo secretário Marcos Eiró, que pontuou os diversos benefícios ao servidor e à Seel. “As atividades reduzem os acidentes e lesões devido à melhora de reflexos, tempo de reação, conscientização corporal, maior flexibilidade das articulações e dos músculos. Estamos investindo na saúde do nosso servidor”, finalizou.

A diminuição do sedentarismo, estresse, depressão e ansiedade, diminuição da insônia, melhoria do sono, prevenção e tratamento da osteoporose são outros benefícios das atividades da ginastica laboral. “Vamos fazer reuniões com todos os departamentos envolvidos para informar e orientar sobre a atividade e seus benefícios”, informa Ruy. A ginastica laboral é feita no próprio setor, departamento ou andar onde os funcionários trabalham. As “sessões” serão realizadas de forma coletiva dentro dos departamentos e terão a duração de 10 a 15 minutos, com um mínimo de 2 e o máximo de 3 sessões semanais para cada grupo.

“Não é necessária nenhuma roupa especial. Os exercícios são basicamente: alongamentos, fortalecimento muscular, conscientização corporal, correção postural, exercícios respiratórios, massagem, recreação e relaxamento e palestras educativas”, finaliza.

Liandro Brito - Ascom/Seel