Segurança ostensiva e campanhas marcam o maior clássico do futebol paraense no Mangueirão

Na tarde deste domingo, 16, além do maior clássico do futebol paraense pela semifinal da Copa Verde, o Estádio Olímpico do Pará jornalista Edgar Proença recebeu também campanhas pela paz nos campos de futebol e de prevenção de doenças, como a Aids. Para a segurança dos quase 22 mil torcedores, o Sistema de Segurança Pública do Pará mobilizou cerca de 1200 policiais militares, 49 viaturas, realizando ronda ostensiva, além de 30 homens a cavalo. O efetivo contou, também, com o policiamento civil, equipes do Corpo de Bombeiros, agentes do Departamento de Trânsito (Detran), Guarda Municipal de Belém, Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) e uma unidade de Juizados do Tribunal de Justiça do Estado (TJE).

Para estimular a paz no esporte paraense, antes do início da partida, o jogador do Paysandu, Yago Pikachu, e o jogador do Remo, Dadá, vestiram a camisa que simboliza a Campanha Pacto de Paz e, assim, transmitiram a relevante mensagem aos torcedores. “É importante aproveitarmos este clássico em que se concentra um grande número de torcedores, para disseminar a promoção da paz no esporte”, ressaltou a secretária de Estado de Esporte e Lazer, Renilce Nicodemos.

Enquanto a bola rolava no gramado, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) promoveu uma ação, por meio da Coordenação do Programa Municipal de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e Aids, voltada à conscientização da prevenção de doenças sexualmente transmissíveis. Na ocasião, agentes da Sesma distribuíram panfletos explicativos e preservativos masculinos e femininos. “A capital paraense ainda possui uma considerável incidência de doenças sexualmente transmissíveis, por isso, precisamos aproveitar este espaço de sociabilidade para conscientizar as pessoas sobre a importância do uso do preservativo como estratégia de prevenção”, explica coordenador municipal de referência em DST e Aids, Roberto Paes.

O confronto disputado entre o Remo e Paysandu garantiu muita emoção aos torcedores. O gol que definiu o placar foi marcado no início do segundo tempo, através de um cruzamento certeiro de Héverton, que marcou o primeiro e único gol da partida, encerrando o placar com 1 a 0.  O próximo duelo entre Remo e Paysandu está confirmado para domingo, 23, às 19h30, no Estádio Olímpico jornalista Edgar Proença, o Mangueirão.

Luana Valente - Ascom / Seel

Data: 17/03/2014