Seel prepara estrutura para eventos esportivos do segundo semestre

 

 Assessores, técnicos, gerentes e servidores da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel) se preparam para as atividades programadas para o segundo semestre deste ano. A primeira é a 13ª edição do Grande Prêmio Caixa Pará de Atletismo, que ocorre no segundo domingo de agosto, dia 10, no Estádio Olímpico do Pará (Mangueirão), das 8 horas ao meio dia. A competição é promovida em parceria com a Confederação Brasileira de Atletismo (Cbat).

Belém faz parte do circuito de meetings da Cbat desde 2002 e até hoje detém recorde de público em competições da América do Sul, com 42.640 pessoas acompanhando a competição em 2004. Antes do GP, haverá a prova do Campeonato Sul-Americano de Milha de Rua, que neste ano será na sexta-feira, dia 8, pela primeira vez no Portal da Amazônia, à noite.

No dia 16 de agosto, às 19 horas, a Seel faz o lançamento dos IV Jogos Tradicionais Indígenas, na praça central de Marudá, em Marapanim, nordeste do Pará. Os jogos são uma parceria da Seel com o Comitê Intertribal Memória e Ciência Indígena e têm apoio da Celpa.

No período de 16 a 21 de setembro, em Castanhal, no nordeste do Pará, haverá o encerramento dos VIII Jogos Abertos do Pará, com a participação de cerca de 800 atletas, que são alunos de escolas dos municípios envolvidos. Todos os campeões das fases regionais – Nordeste/ Caetés, Sudeste I, Oeste, Metropolitana, Marajó, Baixo Tocantins e Araguaia – estarão presentes e competirão entre si.

Ainda em setembro, de 4 a 10, na praia de Marudá, em Marapanim, ocorre a quarta edição dos Jogos Tradicionais Indígenas, dos quais participam cerca de 450 atletas indígenas de 13 etnias do Pará. Cada etnia participará com uma equipe máxima de 30 pessoas. São elas: Aikewara, Arawete, Assurini do Tocantins, Assurini do Xingu, Gavião Kykatejê, Gavião Parkatejê, Guarani, Kayapó, Munduruku, Parakanã, Tembé, Xikrin, Wai Wai e as convidadas, que são Pataxó (da Bahia) e Xerente (do Tocantins).

Para a segunda quinzena de outubro está prevista a entrega das obras de reforma do Mangueirão, iniciadas em junho deste ano e que, além da reforma completa do gramado, ainda preveem a revisão total das instalações elétricas de alta complexidade, pintura, reforma do telhado, instalação do novo sistema de monitoramente eletrônico e novas catracas eletrônicas.

Dedé Mesquita - Assessoria de imprensa da Seel

Foto: Cristino Martins - Agência Pará de Notícias