Paragominas e Remo se enfrentaram e decidirão vaga no Mangueirão

Próxima partida promete ser ainda mais quente, pois somente quem chegar as finais terá a chance de conseguir a vaga na Série D.

E a bola finalmente rolou para a segunda partida das semifinais do Campeonato Paraense de Futebol, Clube do Remo e Paragominas realizaram na noite de ontem, 14, mais uma partida típica de equipes que buscam sagrarem-se campeãs estaduais. Com um jogo tipicamente puxado, repleto de jogadores preocupados com a manutenção de um bom resultado, o placar não poderia ser diferente, 2 a 2 com um gostinho de derrota para o clube azulino que estava vencendo o jogo até os últimos minutos do primeiro tempo. No jogo de volta, que será realizado neste Domingo (17), o Leão terá a vantagem de jogar por uma simples vitória ou um empate para se classificar, mas o Paragominas virá confiante em conseguir chegar as finais e tirar a invencibilidade do time da capital.

Ao longo do campeonato, várias boas partidas foram apresentadas aos torcedores do Pará que, provavelmente, faziam tempo que não presenciavam um número tão grande de jogos disputados, nem um clube mostrou grandes diferenças técnicas e táticas em relação aos outros, nem mesmo os grandes da capital conseguiram ‘sobrar’ no campeonato, cenário que começa a mostrar o quão forte o futebol do interior do Estado se desenvolveu ao longos do anos. E mesmo tendo o Paragominas como estreante, a equipe conseguiu se credenciar como uma das favoritas ao título, mesmo antes da fase principal da competição ter sido iniciada.

Assim como toda boa história, sempre há dois lados, e a de ontem também foi assim. O Clube do Remo foi até a Arena Verde confiante em manter o ótimo retrospecto jogando fora de seus domínios, fez uma boa primeira etapa, conseguindo criar as melhores oportunidades. Val Barreto e Paulista novamente infernizaram a zaga adversária e conseguiram fazer uma ótima partida. Do lado do Paragominas, a equipe se posicionou bem, contou com a estreia do técnico Charles Guerreiro que teve coragem e buscou o resultado mesmo quando a derrota parecia certa, e graças ao artilheiro do campeonato, Aleílson, conseguiu empatar o jogo, trazendo uma tranquilidade maior para a equipe que enfrentará seu próximo desafio em Belém.

Agora é esperar para saber quem chegará as finais para enfrentar Paysandu ou São Francisco, o Mangueirão certamente presenciará mais um espetáculo no próximo Domingo. Tendo em vista que a perspectiva será de um público de trinta mil pessoas, o Governo do Estado busca mais uma vez garantir os direitos dos torcedores, principalmente com relação a segurança e o lazer. A Polícia Militar já fez a reunião e elaboração dos planos de segurança, e o combate às vendas de produtos irregulares deverão ser intensificadas para desestimular ainda mais os ambulantes que tentam burlar as leis. Na semana passada a iluminação da área externa do Mangueirão foi revitalizada, isso auxiliará ainda mais no combate a violência e fiscalização de quem entrará e sairá do Estádio, permitindo que tudo possa acontecer com a máxima ordem possível.

Marco Souza – Ascom/Seel