Leandro Prates é tetracampeão da Milha de Rua

 

A prova do Campeonato Sul-Americano Pará de Milha de Rua, que abriu na noite de sexta-feira (8) o Grande Prêmio Brasil Caixa Pará de Atletismo, foi realizada pela primeira vez no Portal da Amazônia. O local recebeu um público significativo que aplaudiu e vibrou com o atleta baiano Leandro Prates de Oliveira, o grande vencedor da prova pelo quarto ano consecutivo, tornando-se tetracampeão na capital paraense.

Leandro teve como adversários atletas do Brasil, Bolívia, Venezuela, Equador e Colômbia, e fechou a prova em 4: 04 minutos. Na disputa contra Leandro estavam também três atletas paraenses.

Ao final da corrida, Leandro foi muito aplaudido pelos torcedores. “Essa prova é muito forte. É claro que eu sonhava em ganhar como nos anos anteriores, só que aqui em Belém o nível só faz aumentar. Mas confesso que estava muito esperançoso em sair vencedor”, disse o tetracampeão. “Juro que já havia pensado no Galvão Bueno dizendo ‘é tetra, é tetra”, completou, brincando.

Sobre os paraenses que competiram com ele, Leandro os elogiou e disse que eles devem insistir que os bons resultados virão. “Vejo que eles (os paraenses) têm muita força. E me vejo um pouco neles porque sou de uma cidade do interior da Bahia e lutei muito até conseguir o que eu queria, que era ser um corredor”, contou.

Leandro ainda fica em Belém e deve correr no GP de Atletismo, que será realizado neste domingo (10), a partir das 8h30, na prova dos 3 mil metros. As competições serão todas disputadas no Estádio Olímpico do Pará (Mangueirão).

Provas - A programação da competição começou às 20h, com a Milha da Caixa, para os funcionários da Caixa Econômica Federal. No masculino, a prova foi vencida por Ubirajara dos Santos, e no feminino, a vencedora foi Andreia da Silva Souza. Às 20h30 a prova foi da Milha Paraense Feminina, cuja vencedora foi Edivani Oliveira dos Santos, do SEBI, com 5:19 minutos. Às 20h45, na prova da Milha Juvenil Masculina do Pará, o vencedor foi Antônio Cosmo Silva de Oliveira da ADESCORI; na Milha Paraense Masculina, o grande vencedor foi Adelson Alves Rodrigues, da Associação dos Corredores de Rua do Piauí; e às 21h15, a competição se encerrou com Milha Sul-Americana, vencida por Leandro Prates.

Para Renilce Lobo Nicodemos, secretária de Esporte e Lazer do Pará (Seel), um evento como o GP de Atletismo é de grande importância, não só para o Estado do Pará, como para os atletas que gostam de competir aqui. “Recebemos muitos elogios por termos mudado o local da prova para o Portal da Amazônia. Isso nos deixa muito felizes porque trabalhamos para que os atletas continuem a ter a boa impressão que eles têm de Belém”, afirmou a secretária. “Já tivemos a confirmação da presidência da Confederação Brasileira de Atletismo de que o GP de Atletismo vai continuar sendo realizado em Belém”, informou.

O presidente da Confederação Brasileira de Atletismo, José Antônio Martins Fernandes, confirmou que Belém continua na rota dos grandes meetings de atletismo no Brasil. “Temos atualmente três grandes meetings no País, que são em São Paulo, Uberlândia e Belém. Com a proximidade das Olimpíadas de 2016, o Rio de Janeiro passará a ficar entre esses três. Uma dessas cidades deixará de ser sede do GP, mas Belém continua porque aqui temos pessoas que gostam muito de esporte, lotam o Mangueirão e tem uma grande afetividade com os atletas”, considerou o presidente.

O 30º Grande Prêmio Brasil Caixa Pará de Atletismo é uma realização da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), com patrocínio da Caixa Econômica Federal e apoio do Governo do Estado do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Esporte (Seel) e da Federação Paraense de Atletismo (FPAt).

Dedé Mesquita - Ascom/ SEEL

Foto - Ray Nonato