Grupos de terceira idade se divertem em Arraial do Vida Ativa

Cerca de 300 pessoas participaram do ‘Arraiá’ Vida Ativa na Roça 2014, na manhã desta quarta-feira, 18, na sede da Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa do Estado (Asalp), na rodovia Mario Covas, em Ananindeua. A festa é mais de uma das atividades do programa Vida Ativa na Terceira Idade, da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel).

A festa teve início às 9 horas, com a apresentação do grupo da terceira idade da ilha de Outeiro. Depois, a quadrilha do grupo de convivência Zoé Gueiros, de Ananindeua, se apresentou com uma dança de temática nordestina.

Outro grupo que deu um verdadeiro show foi o Viver com Arte, formado pelas integrantes do programa Vida Ativa, que ensaiam na sede do clube Grêmio Literário Português. São 24 senhoras que integram o grupo, que é chamado, comumente, para apresentações em eventos como no Hangar Convenções e Feiras da Amazônia.

Entre as atrações teve disputas de jogos típicos da época, mas o que mais sucesso foi o ‘quebra pote’, que teve inscrição de dez idosos. Em um dos potes havia muitas folhas secas, mas no outro, a festa foi maior por conta de muitos bombons e doces que estavam dentro, e que serviram como prêmio. Além desse jogo, foram disputados a ‘corrida do saco’, o ‘enfia a agulha’ e a ‘corrida do limão’. Durante a festa também houve a venda de comidas típicas e foi realizado um bingo, com muitos prêmios.

O momento mais esperado da festa foi a escolha da Miss Caipira. O concurso foi disputado por oito candidatas e foi vencido por Maria de Fátima Peres, de 52 anos, que frequenta o polo da sede da Asalp. Ela, a despeito da temática da Copa do Mundo que a maioria adotou, preferiu o ‘caipira’ tradicional, o que arrancou aplausos do público presente.

Francisco de Almeida, de 78 anos, integra o grupo de convivência Zoé Gueiros e também frequenta o polo do Vida Ativa, na sede da Tuna Luso Brasileira. Ele era um dos mais animados e participou de duas danças. “Eu gosto muito de dançar. Desde que era mais novo. Nós ensaiamos muito e com bastante vontade. Hoje ainda vamos dançar no Portal da Amazônia e haja fôlego”, informou.

A coordenadora do projeto Vida Ativa na Seel Kátia Rocha disse que essa atividade marca o encerramento do primeiro semestre do ano no programa. “Eles fazem questão de termos essa festa. É um grande prazer ver os idosos em atividades às quais eles se dedicam com tanto empenho”, disse.

Kátia também informou aos integrantes do programa Vida Ativa na Terceira Idade que eles precisam fazer a confirmação de suas inscrições no programa. “Eles devem procurar seus professores nos seus polos de origem e em seus horários normais para fazer essa confirmação. E isso pode ser feito nos dias 24, 25 e 27 deste mês. Quem não confirmar pode perder a vaga. E em agosto vamos abrir para a inscrição de novos alunos”, recomendou.

Dedé Mesquita
Secretaria de Estado de Esporte e Lazer