Atletas com paralisia cerebral participarão do Brasileiro de Futebol de Sete

O esporte paralímpico paraense está ganhando cada vez mais destaque no Brasil, com a participação de atletas paraenses em importantes eventos nacionais e internacionais. A Seleção Paraense de Futebol de Sete – PC (paralisia cerebral) viaja ainda nesta semana para participar do XIV Campeonato Brasileiro da modalidade, que será disputado de 18 a 24 de novembro, em Belo Horizonte (MG). Alguns atletas estiveram na Secretaria de Estado Esporte e Lazer (Seel) para acertar os últimos detalhes do apoio do Governo do Estado, que bancará as passagens aéreas dos atletas.

O atleta paralímpico Carlos Eduardo Casanova, 35 anos, que fez parte da equipe da Seleção Brasileira de Futebol de Sete em 2004, falou sobre a importância da participação paraense na competição. “Representar o Pará sempre é uma importância muito grande, tentaremos igualar a campanha de 2006, quando a seleção paraense ficou em terceiro lugar”, frisou.

Na competição, terão olheiros e técnicos da Seleção Brasileira, que iniciou um novo trabalho, já visando as Paralimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. “Já tive esse gostinho de participar da seleção brasileira, vamos a busca de bons resultados e, quem sabe, algum paraense seja convocado”, disse.

Enéas Palheta, que também faz parte da delegação paraense, falou da dificuldade de participar de competições fora do Estado e da falta de parceiros para abraçar o esporte. “Competimos por amor ao esporte, mas precisamos de apoio e isso nós encontramos na Seel. Batemos em muitas portas e aqui fomos bem recebidos. Nossas dificuldades são grandes, mas não deixamos de acreditar”, concluiu.

Ascom Seel